Página Inicial   ›   Blog INOBAG   ›

Automação logística: o que é? Veja vantagens e exemplos

automação logística
Por Thiago Schoba
22/04/22

A automação logística é uma das tendências inovadoras da atualidade. É um fenômeno caracterizado pela adoção de tecnologias em todos os âmbitos da cadeia de suprimentos e da movimentação de mercadorias.

Ao automatizar as operações logísticas, as empresas revolucionam seu modo de trabalho e ganham em tempo e em economia.

As possibilidades são inúmeras quando falamos neste assunto. É possível automatizar tarefas em todas as etapas da cadeia, bem como obter automação na comunicação/integração entre cada fase também.

Por ser um termo tão amplo e complexo, é interessante conhecer mais sobre ele e entender como é aplicado.

Entenda o que é automação logística

A automação logística é a automação dos processos logísticos com o apoio de tecnologias modernas. É o uso de ferramentas computacionais e eletrônicas para agilizar as tarefas, a partir da padronização dessas ações.

Na automatização, as pessoas deixam de desempenhar funções repetitivas e desgastantes e passam essa obrigação para as máquinas. Então, elas passam a exercer aquela função com maior rapidez e agilidade.

Na logística, a automação pode atuar em todas as grandes etapas: 

  • na armazenagem, com controle das entradas, conferência dos itens, controle de estoque e expedição; 
  • na movimentação entre diferentes agentes; 
  • e no transporte, com controle das rotas, rastreamento dos produtos, etc. 

É possível gerar um impacto específico em cada uma das áreas, como no picking. Com as inovações atuais, por exemplo, você consegue embalar um produto em tempo recorde, de forma automática e prática, sem necessidade de funcionários. 

Assim, tudo flui de uma forma padronizada e simples, de modo a não gerar problema para as fases seguintes.

No geral, falar de automação logística é falar dos vários sistemas tecnológicos que ajudam a controlar os processos. É falar da revolução que a tecnologia proporciona em todas as etapas da produção, do transporte e da movimentação de produtos.

automação logística vantagens

Quais são as vantagens que a automação logística gera para as empresas?

Nesta seção, vamos falar das vantagens que a automação logística gera.

Redução dos custos

Um dos pontos é a redução de custos. Com a automação, você consegue maior eficiência no processo logístico, com menos gargalos e menos entraves na produtividade. Assim, é viável produzir mais e entregar mais com menos despesas associadas.

O principal fator que explica isso é a própria diminuição da dependência de funcionários. Para funções mais comuns e diárias, a empresa conta com máquinas que gerenciam melhor essa carga e pode direcionar os colaboradores para outras funções, dispensando a necessidade de novas contratações.

A automação reduz, no geral, o esforço necessário para atender às demandas comuns em um processo logístico. Por organizar todo o processo de preparação, movimentação e estocagem, é viável ter um ciclo menor e menos custoso, envolvendo menos partes.

Diminuição de erros e retrabalhos

A precisão é um ponto-chave quando falamos em automação, as máquinas seguem apenas o propósito para o qual foram programadas, sem sofrer com distrações ou cansaço. Fatores como pressão e aumento de demanda não afetam o trabalho desses sistemas.

Por isso, é possível diminuir consideravelmente os erros e a necessidade de retrabalho para corrigir falhas anteriores. Há uma padronização maior dos processos e as máquinas seguem o padrão com maior consistência.

Otimização da produtividade e do tempo

Como já pontuamos, há melhoria nos índices de produtividade. A empresa consegue entregar mais, em menos tempo, com o apoio de sistemas e máquinas que agilizam os processos e evitam erros. 

Um exemplo disso é a velocidade na separação de produtos, como já falamos.

Tudo flui mais rápido, com apoio de indicadores que ajudam a entender a situação e melhorá-la com o tempo. Os sistemas integram informações e usam o padrão de processos para reduzir tempo, impactando positivamente no tempo de entrega do produto e no lead time (o que fideliza os clientes).

Experimentação de uma cultura de inovação

A automação coloca a empresa em contato com tecnologias novas e modernas. Assim, é possível desenvolver uma cultura de inovação constante e solidificada. É uma cultura de sempre se adaptar a novos desafios, com apoio de soluções mais modernas sempre. 

Prevenção de perdas e riscos

Outro ponto fundamental no fluxo logístico é o combate a perdas e riscos de segurança. Com a automação, é possível evitar acidentes nos processos, com maior precisão dos sistemas. 

É viável também gerar mais informações e monitorar de perto os produtos para garantir a segurança e a proteção deles, de acordo com o tipo de produto e com as melhores práticas para gerenciamento de cada tipo.

Exemplos de automação logística

Um bom exemplo de automação na logística é a máquina de embalagem industrial MV5X, da Inobag. Trata-se de uma ferramenta que auxilia na criação de embalagens para empacotar e preparar os produtos para envio.

A máquina é especializada em embalagens flexíveis, que se adaptam a todo tipo de produto, e que oferecem maior capacidade de resistência e durabilidade. Também permite montar kits com agilidade, com o apoio de contadores de elementos para evitar erros.

O envolvimento humano nesse tipo de processo é mínimo, apenas com auxílio na introdução dos itens da máquina. Contudo, até isso pode ser automatizado com acessórios especializados, como um robô.

Vale mencionar também a vending machine industrial, uma ferramenta que ajuda no controle de entrega de itens EPI, ativos fixos, itens de manutenção e outros em um esquema similar ao de uma vending machine comum.

automação logística exemplos

Evidentemente, temos que citar os sistemas logísticos, como o WMS (Sistema de gestão de armazéns) e o TMS (sistema de gestão de transportes).

Os WMS automatizam o controle de armazenagem, com gestão da conferência de produtos, gestão dos locais ideais para estocagem, rastreabilidade dentro do CD, controle da expedição otimizada de acordo com os prazos, etc.

Já o TMS automatiza a gestão de transportes, com a definição das melhores rotas, monitoramento dos produtos em movimentação, geração de relatórios técnicos sobre os veículos e muito mais.

Como automatizar a logística da minha empresa?

Para iniciar nesse processo, você precisa começar com uma cultura de inovação e de automação. 

É necessário confiar nas máquinas e perceber que elas são auxiliares fundamentais. Sobretudo, é crucial então mapear os processos mais desgastantes e criar fluxos para automatizá-los.

Nesse sentido, torna-se relevante também a integração entre parceiros em todos os pontos da cadeia. A automação precisa dessa conexão para funcionar melhor.

Finalmente, você pode buscar as soluções específicas que vão ajudar nesse processo de automação. Ferramentas como a Máquina de Embalagem da Inobag.

Conheça todas as soluções da Inobag para automatizar a sua logística. Clique e confira todas as informações!

Conclusão

Como vimos, a automação logística é representada pelo uso de várias soluções tecnológicas que assumem funções logísticas e ajudam a melhorar o desempenho. 

Com esse apoio, é possível reduzir erros, custos e agilizar o processo para entregas em menos tempo. É viável também padronizar processos, personalizar os produtos com uma melhor fase de separação e conseguir vários outros benefícios.

Postagens relacionadas