Produtividade Empresarial: entenda como otimizar processos

produtividade empresarial
Por Thiago Schoba
16/12/21

Para ter sucesso, o principal desafio de uma empresa é conseguir otimizar a produção de seus produtos e serviços e, assim, reverter em mais lucro para a empresa. Por isso, muito se fala sobre o conceito de produtividade empresarial.

A produtividade de uma empresa é um elemento que vai muito além de somente produzir e se configura aspecto essencial para todo negócio, desde uma microempresa até negócios com escala global.

Devido a sua relevância para quem trabalha com gestão de empresas, é essencial trabalhar mais a fundo sobre esse conceito.

Nesse artigo, iremos falar sobre o que é produtividade empresarial, qual sua importância, como é possível avaliá-la e, ainda, como você pode melhorá-la. Boa leitura!

O que é produtividade empresarial?

Para compreender o que é produtividade empresarial, é importante entender o que é produção também.

A produção é um conceito que mede o que foi produzido pela companhia dentro de um certo tempo. Já a produtividade diz respeito à capacidade de produzir com mais qualidade.

Dessa forma, podemos entender que produzir é sobre o que fazer e ser produtivo é sobre como fazer isso. Dentro de uma empresa, a produtividade empresarial é a capacidade de produzir as atividades e tarefas com mais eficiência.

Qual a importância da produtividade empresarial e sua mensuração?

A importância da produtividade empresarial está justamente na capacidade de oferecer mais sucesso à empresa. Ao mesmo tempo, por ser uma medida mensurável, ela ajuda  a própria empresa a entender o quanto ela está perto do seu propósito produtivo.

A partir da avaliação da produtividade empresarial e seu controle, torna-se possível encontrar soluções para melhorar os problemas dentro do fluxo de processos da empresa.

Quanto maior for a produtividade empresarial, melhor será para toda a organização, pois ela significa, entre outros pontos:

  • Redução de custos;
  • Aumento da qualidade;
  • Velocidade da produção.

Como avaliar a produtividade empresarial?

como avaliar produtividade empresarial

Como falamos, avaliar a produtividade empresarial é essencial para entender a saúde do seu negócio.

Esse processo pode ser feito por meio dos indicadores de produtividade. Eles também são chamados de KPI e indicadores-chave de performance. Aqui iremos falar sobre 4 tipos de indicadores.

Qualidade

Os indicadores de qualidade, em primeiro lugar, são aqueles capazes de avaliar se o serviço ou produto da empresa está de acordo com os padrões quanto à qualidade exigida.

São eles que irão mostrar se existem produtos ou serviços entregues com defeitos ou sem adequação aos procedimentos determinados.

Essas referências de qualidade podem variar de acordo com o modelo de negócio, podendo ser relativos aos prazos de entrega ou em relação a disponibilidade de um serviço, por exemplo.

Competitividade

O segundo tipo de indicador de produtividade diz respeito à competitividade e métricas mercadológicas. Esse tipo vai servir para analisar as vantagens competitivas que uma empresa apresenta frente a outras do mesmo nicho.

Para isso, é preciso observar e acompanhar os principais concorrentes do seu mercado e relacionar com valores da sua própria empresa.

É muito comum avaliar o market share, isto é, a fração em valores percentuais do mercado que é controlado pela sua empresa em relação à concorrência.

Lucratividade

Outro indicador de produtividade é relativo à lucratividade da empresa. Ele vai, como o nome sugere, mensurar o lucro da empresa.

É muito comum usar esse KPI para avaliar as entregas do time de vendas, visto que possuem resultados mais quantificáveis.

No geral, a lucratividade é um índice que precisa sempre ser avaliado de forma relacionada com outros tipos de indicadores de produtividade.

Capacidade

O KPI da capacidade é aquele indicado capaz de mensurar a capacidade empresarial de produzir uma determinada quantidade de produtos ou serviços em um determinado período de tempo.

A ideia desse indicador é conseguir medir o máximo de entregas que podem ser feitas em um processo produtivo, por exemplo.

Dessa forma, é possível associar os recursos que você tem disponíveis com a quantidade e qualidade de entregas previstas do produto ou serviço.

Por que investir em produtividade empresarial?

Já falamos sobre a importância da produtividade empresarial, mas é importante destacar também o porquê de investir nela. Entre os principais pontos, temos:

  • Maior motivação dos colaboradores: um caminho de produtividade melhorada é mais organizado e mais focado em resultados. Isso vai fazer com que os funcionários se sintam mais motivados pois enxergam uma perspectiva de crescimento tanto individual como da empresa;
  • Maior satisfação dos clientes: quando você produz com qualidade, é natural que você satisfaça mais seus clientes, pois está entregando serviços e produtos excelentes. Isso vai favorecer a fidelização dos clientes e. ainda, aumentar a lucratividade da empresa;
  • Redução de perdas e de tempo: a ideia da produtividade é conseguir produzir melhor, com menos recursos e em menor prazo. Por isso, será possível evitar o desperdício e a dedicação de tempo desnecessário com a otimização dos processos.

Como melhorar a produtividade empresarial?

como melhorar produtividade empresarial

E se estamos falando que a produtividade de uma empresa é tão necessária para uma empresa, nada mais relevante que falar formas para melhorar isso.

Por isso, a seguir, vamos trazer 3 dicas que vão te ajudar a implementar essa cultura na sua organização.

Capacite seu time

Uma equipe bem treinada, com certeza vai produzir melhor. Por isso, a oferta de treinamentos para os colaboradores vai ser essencial se seu objetivo é melhorar a produtividade da sua empresa.

O treinamento da sua equipe deve ser tanto para compreensão de conceitos estratégicos como para o domínio de novas ferramentas técnicas importantes na execução de tarefas.

Reavalie processos

O segundo ponto é sempre realizar a revisão de processos de forma corriqueira. Isso deve ser feito tanto antes da implementação de uma mudança bem como depois dela.

Dessa forma, você vai evitar falhas na etapas e ainda potencializar sua capacidade de ter controle de todo o fluxo produtivo.

Invista em boas ferramentas

Ferramentas tecnológicas servem para facilitar etapas produtivas dentro de uma empresa. Por isso, é essencial procurar sistemas e soluções que ajudem no seu campo de atuação.

Investir em automação de processos e integração de dados, por exemplo, é uma excelente maneira de fazer isso. Além disso, máquinas industriais que aceleram atividades humanas, como a de embalagem de produtos, são excelentes alternativas.

Conclusão

Nesse artigo a gente conseguiu te mostrar não só como funciona, mas também a importância da produtividade empresarial para a saúde do seu negócio.

Além disso, você também pode procurar melhorar ainda mais a produtividade da empresa. Algumas formas de fazer isso é por meio da capacitação dos colaboradores e o investimento em soluções tecnológicas!

Postagens relacionadas