Página Inicial   ›   Blog INOBAG   ›

Tipos de Picking: Descubra quais são e como escolher o ideal

tipos de picking
Por Thiago Schoba
29/07/21

A área de logística é vital para o crescimento e sucesso de um negócio. Dentro dela, portanto, o processo de armazenagem deve ser considerado um setor extremamente estratégico para uma empresa.

Por ser uma parte muito importante, entender os tipos de picking também é necessário. Picking, de forma literal na tradução do inglês para o português, significa seleção.No entanto, nesse artigo você vai entender que o picking é muito além disso. 

Você sabe qual é a importância dos tipos de picking no processo de armazenagem e quais são os tipos mais conhecidos? Está na hora de descobrir. Boa leitura!Tipos de Picking: Descubra quais são e como escolher o ideal - Tipos de Picking: Descubra quais são e como escolher o ideal

O que é um sistema de picking?

O picking, também chamado de order picking, dentro da logística, se configura como o processo de separação e preparação de pedidos dos clientes dentro do estoque.

Portanto, um sistema de picking  é responsável por coletar um conjunto de produtos de acordo com algumas informações, como, por exemplo

  • Categoria;
  • Quantidade;
  • Validade.

É através da separação de pedidos, que acontece através do picking, que eles são entregues no prazo estipulado e de forma correta.

Como funciona o picking?

O picking apresenta diversos tipos de modalidade e, dessa forma, cada um funciona dentro de diferentes estratégias, mas com o mesmo objetivo: atender a demanda do cliente. 

O serviço de picking funciona em 4 etapas, sendo elas:

  • Localização do produto;
  • Coleta;
  • Movimentação;
  • Documentação do processo.

Qual é a importância do picking no processo de armazenagem? 

Por que o processo de picking é um dos mais importantes dentro do centro de distribuição? 

Isso acontece pois as operações de picking impactam no fator de decisão de compra e, sobretudo, de fidelização do cliente dentro de uma empresa.

O tempo dessa atividade dentro do processo de armazenagem pode influenciar diretamente no ciclo de entrega do pedido.

Como o picking proporciona mais eficiência para a empresa?

A eficiência de uma empresa está diretamente ligada com o tempo que ela consegue entregar suas demandas. 

Portanto, o picking é essencial para gerar mais eficiência entre o tempo de recebimento de um pedido do cliente e a entrega devida do produto em questão.

Para um picking eficiente, portanto, é preciso combinar rapidez e precisão dentro da logística da empresa.

Quais são os tipos de picking?

o que e picking

Existem vários tipos de picking. Aqui iremos conhecer alguns dos tipos de picking, bem como as vantagens e desvantagens de cada tipo. 

Além dos picking que serão citados aqui, existem o picking manual e o voice picking, por exemplo.

Picking discreto

O picking discreto é também conhecido como picking por pedido. É um dos tipos de picking menos produtivos, pois exige mais deslocamentos.

Isso acontece porque o operador deve completar toda a ordem de separação, o que provoca um maior tempo gasto em deslocamento. Em alguns casos, isso pode ser benéfico, em outros não.

Picking por onda

O picking por onda funciona com um atendimento individual. Os operadores logísticos, por sua vez, trabalham ao mesmo tempo para reunir as mercadorias e a quantidade solicitada. 

Sendo assim, somente se passa para o próximo quando o pedido é atendido. 

Diferente do picking discreto, esse tipo de picking segue um calendário com base na necessidade de atender os prazos de entrega que foram estabelecidos com o cliente.

Picking por lote

No caso do picking por lote, o funcionário responsável pela seleção aguarda que haja uma maior demanda com relação aos pedidos – isto é, um acúmulo de pedidos –  para recolher todos os produtos de uma só vez.

Ele leva esse nome pois várias ordens são concluídas ao mesmo tempo. Por um lado, se a diversidade de itens no estoque for baixa, o produtor terá maior produtividade. No entanto, por outro lado, a possibilidade de erros aumenta.

Picking por zona

O picking por zona se trata da modalidade na qual os operadores se dividem por áreas ou zonas, onde coletam os pedidos. 

Cada zona apresenta diferentes categorias de produtos. Dessa forma, cada colaborador da atividade se relaciona com apenas uma dessas zonas.

Ao chegar um pedido no estoque, os colaboradores separam os itens necessários de cada área. A ordem é fechada somente após todas as coletas. 

Este modelo pode ser vantajoso em operações com alto número de SKU’s, já que tem um tempo de deslocamento menor. Por outro lado, esse tipo demanda uma excelente organização nos armazéns para evitar erros no pedido.

Como escolher qual dos tipos de picking é o ideal para sua empresa?

Para escolher o picking certo para sua empresa, é preciso levar diversos fatores em conta. 

Picking por zona e picking discreto, por exemplo, podem ser a melhor opção, de acordo com o objetivo e contexto da empresa por trás.

Portanto, existe um checklist para se considerar na hora de escolher o picking ideal para sua empresa. Leve em conta fatores como:

  • Tamanho do armazém;
  • Economia de gastos.
  • Redução de tempo na separação de pedidos;
  • Quantidade de pedidos e periodicidade destes;
  • Sortimento de mercadorias e medidas;
  • Quantidade de mão de obra disponível.

Como implementar um sistema de picking?

como implementar picking

Para uma implementação de qualidade do picking, você deve considerar alguns fatores. Por tanto, você pode se perguntar: quais fatores são esses? Alguns dos recursos essenciais para ter implementar um sistema de picking efetivo são:

  • Organização das rotinas de estoque: você deve contar com um armazém organizado e estruturado. Dessa forma, as atividades devem ser sempre bem sequenciadas;
  • Padronização dos processos de recebimento do produto: Muito cuidado ao receber e registrar produtos. Ao inserir o código de barras, por exemplo, é preciso alocar os itens no seu devido lugar, sendo assim mais rápido de encontrar os itens;
  • Maior atenção a produtos de maior giro: Produtos que têm giro mais alto podem ficar em prateleiras inferiores e de maior fácil acesso, por exemplo. Já os produtos que saem pouco em alturas maiores e mais no final do armazém.

Tipos de Picking: Descubra quais são e como escolher o ideal - Tipos de Picking: Descubra quais são e como escolher o ideal

Conclusão

Nesse artigo você conseguiu entender do que se trata o picking e quais são os mais conhecidos tipos de picking utilizados pelo mercado. Investir em tecnologia de picking pode fazer toda a diferença para sua empresa!

Postagens relacionadas